terça-feira, 19 de maio de 2015

Pensamentos Soltos#47



“Com excruciante vagar, ele beijou-a tão lentamente que ela pôde ouvir uma duzia de batidas do seu próprio coração entre cada ligeiro frémito no acariciar dos seus lábios. Deixou cair a cabeça para trás contra a parede e fechou os olhos, perdida na ligeira fricção dos lábios dele adejando sobre os seus como se tivesse todo o tempo do mundo. O castelo pareceu de súbito sobrenaturalmente silencioso, a sua respiração invulgarmente ruidosa. Se foram cinco minutos ou quinze que ele a beijou daquele modo, não tem forma de saber. Ela ter-se-ia quedado imóvel para todo o sempre”

— O toque do highlander, Karen Marie Moning

1 comentário:

Olá =) obrigado por me visitarem :)
Desculpem mas não irei responder a todos os comentários.. Mas quando responder será no blog da pessoa e no meu próprio blog..

Kiss*